sexta-feira, 21 de outubro de 2016

O bichinho da PEC, Cunha e FMI com cabeça

A placa "somos milhões de cunhas" virou "população: 999.999". Agora o Brasil vai para frente, viu?

Enquanto isso, o bichinho da PEC vem comer o meu salário. "Talvez não", disse meu amigo de direita que anda muito otimista. Eu prefiro quando estava pessimista.

Em breve Lula será preso e será decretado o fim da "Lava Jato", que "limpou o Brasil da corrupção". Ufa! Já não era sem tempo!

E a previdência? Para quem já esperava trabalhar até morrer não fará nenhuma diferença. Ora bolas!

E o Brasil vai cortando, fechando, acabando ou congelando qualquer tipo de gastos e investimentos. Leia-se gastos com educação e saúde ou "gastos ruins" como dizia Sardenberg da rádio que "troca a notícia".

Até o FMI pediu para que Temer deixe a tesoura em casa. Primeiro resolve a recessão, depois a dívida! Tempos difíceis em que o FMI tem mais cabeça que o governo.

Mas tudo vai melhorar, segundo este meu colega de direita. Acho que ele viaja para a Europa ainda este ano. Talvez seja por isso...